As perguntas que Hokkaido-hen deixou

22/12/17

Em 2016, como fãs de RK, experimentamos algo incrível, a volta de Kenshin e cia com um 'spin-off' que seria o prólogo de um novo arco que começaria a ser publicado em 2017. Arco que os mais conhecedores da série sempre se perguntaram como seria, já que na publicação original ele tinha sido cancelado devido alguns motivos, sendo o maior deles o stress que seu criador tinha com os apertados prazos de uma série com periodicidade semanal.

O sucesso da trilogia de live-actions foi tanto que acabou motivando a volta de Rurouni Kenshin. E com mais experiência no currículo, ajuda de sua esposa e tempo para pensar em como esse arco final seria, nós finalmente pudemos ter o lendário arco Hokkaido, que seria publicado mensalmente, afinal Watsuki não iria cair no mesmo problema que o levou a encerrar sua história, não é mesmo?

Infelizmente, o mundo descobriu que o autor tinha um péssimo lado e que o pai de um dos personagens mais amados mangás em todo o mundo não seguia os ideais de se 'filho'. Aqui no Himura TALE fizemos um texto sobre as coisas que perdemos e as muitas possibilidades incríveis que você pode conferir clicando aqui.

Depois de 5 capítulos publicados, esse novo arco estabeleceu questões que se desenrolariam nos próximos capítulos, então vamos conferir o que a gente mais queria saber nessa nova aventura.

1 - O quanto Ashitarou aprendeu com Shishio?



No prólogo do arco Hokkaido fomos apresentados ao protogonista desta história extra - Ashitarou Hasegawa. Um jovem tranquilo que gosta muito de comer, mas que faminto perde as estribeiras enquanto não enche a barriga e que foi procurar comida na casa do maior vilão da série. Honestamente, de primeira quando li a 1ª parte não simpatizei muito com o garoto, mas depois a ler novamente e com a 2 parte eu comprei a ideia e vi potencial no personagem. O rapaz que se mostrou ter fibra seria o 2º discípulo mais próxima da filosofia da "sobrevivência do mais apto" do Shishio.
Já no primeiro capítulo, depois de uma série de confusões, ele entra em combate com o seu "pai adotivo" - Kenshin - e acaba desferindo um dos golpes característico de Shishio, Homuradama. Apesar dele estar usando a Mugenjin, não é como se ela fosse uma arma de fogo então, o quanto de conhecimento ele adquiriu com o seu falecido mentor?


2 - A Asahi era realmente confiável?



Asahi Kubota é apresentada como uma integrante dos remanescentes do grupo do Shishio, e que desempenhava, ao que parece, um papel de espionagem e aproximação indireta. O que acabou levando aos desfechos do prólogo. Já no primeiro capítulo ela integra o novo núcleo de personagens que são acolhidos no dojo Kamiya, junto com Ashitarou e Aran. Mas ao se unir à sua nova 'família', ela não quis compartilhar nada do seu passado. Embora o próprio Kenshin levou tempo para se abrir com seus amigos, ela deixou um ar de mistério, considerando a forma que ela foi apresentada na história e se mostrar de uma forma amigável era sua forma de fazer as pessoas baixarem a guarda, é algo que se faz pensar se ela tinha se unido genuinamente ao dojo Kamiya. Será que ela pretendia algo?

3 - Aran seria apenas o intelectual do grupo ou surpreenderia?



Provavelmente o mais carismático dos novos 3 filhos do dojo Kamiya. Aran se mostrou um rapaz inteligente e com um ótimo espírito, além de ser metido a 'Don Juan'. Na primeira aparição se mostrou meio medroso, mas quando preciso mostrou ter coragem (afinal, coragem não é ausência de medo) para defender seu novo amigo numa situação onde ele não poderia fazer muito, já que não era lutador. Porém, ainda que preguiçoso, numa das situações mais cômicas dessa nova fase, subornou o pequeno Kenji para conseguir o livro com os segredos do estilo Kamiya Kasshin e estudou o manual. Claro que ele não dominou apenas pela leitura, quem treinar artes marcial sabe que teoria apenas não resolve. Mas foi uma situação interessante. E já que ele era um aluno, seria legal vê-lo em ação. Não acho que ele só ficaria olhando a ação, e você?

4 - O quanto a mais iríamos ver do Juppongatana?



Foi realmente incrível o contexto dos novos personagens! Afinal, a gente não viu muito do âmago da organização liderada pela Shishio, e com Ashitarou e Asahi, flashbacks seriam mais do que necessários para contextualizar algumas ações e consequências que levaram à atualidade desses personagens e de eventuais novos personagens que aparecessem. Quem seriam os senpais dos dois? Vai dizer que não seria pra lá de interessante ver o Ashitarou chamando "Soujiro-senpai" enquanto treinasse com ele, e como seria esse treinamento? Já considerando o tipo de abordagem da Asahi, eu já a associei diretamente ao Kamatari, acho que a gente teria situações interessantes, ainda mais pensando em interações com a Yumi.

5 - Quem realmente seriam os rebeldes no monte Hakodate?



No topo do monte jaz um novo perigo, um grupo de rebeldes que demandam um nova revolução, nada novo até aqui. A questão fica mais interessante quando adicionamos alguns fatos, como por exemplo, esse grupo era responsável por enviar soldados para o Shishio e suas ações já não podiam mais serem ignoradas a ponto de a polícia não dar conta e o exército ser enviado para o local com o reforço de um único policial que é mais do que competente - o próprio lobo do Shinsengumi, Hajime Saitou. Vimos um grupo de pessoas peculiares recebendo o Saitou e o exército, eles se denominavam os Kenkaku Heiki e possuíam habilidade interessantes. E essa luta estava apenas começando... Mas eles objetivavam realmente uma revolução ou tinham algo diferente em mente?

6 - Por que o papai Kamiya não voltou após a guerra?



Uma das coisas que surpreendeu e muito os leitores foi o pai da Kaoru, dado como morto até então, estar vivendo bem em Hokkaido. O interessante da descoberta é que ela se deu por uma foto que estava em posse dos "ex-donos" da Asahi. Será que o Koshijirou tinha alguma conexão com os rebeldes de Hokkaido? Por que ele não voltou para casa após a guerra Seinan?

7 - O Yahiko realmente se deu conta do que disse à Tsubame?



Umas das coisas surpreendentes no capítulo 3 foi o certo destaque que foi dado ao Yahiko. Agora um mestre assistente do Kamiya Kasshin Ryu, ele se tornou um jovem responsável com seus deveres. Ficou tão forte ao ponto de conseguir defender 5 dos 9 golpes dos Kuzu Ryu Sen. A Kaoru tinha pedido à Tsubame para ajudar o Yahiko após a partida do pessoal para Hokkaido. Após, a despedida de Yahiko do navio, Tsubame o achou meio solitário ao que ele solta a seguinte pergunta - Por que não moramos juntos? Naquela época, não existia muito, principalmente no Japão, esse lance de morar junto sem se casar devidamente e o Yahiko até então estava meio que no "chove e não molha", então eu não sei, mas vai que...

8 - Como seria o retorno de Enishi?



Uma das muitas surpresas em Hokkaido-hen foram os cameos de Enishi, tanto em citações quanto em menções com imagens. Ao fim do arco Jinchuu, ele foi para o Rakuninmura, um lugar onde mendigos e/ou pessoas sem esperanças vão. Então será que ele alcançou a redenção ou algo o motivou a buscá-la?

9 - Qual é o limite do Kenshin?



Uma das dinâmicas interessantes na nova fase é que nada que foi construído até então foi ignorado, logo o dano que o Hiten Mitsurugi causou no Kenshin estava lá. Mesmo o Yahiko atestando que o Kenshin continuava forte como sempre, seu vigor tinha diminuido. Acho que foi uma questão que se Hokkaido tivesse continuado na mesma época que o arco Jinchuu, não teríamos isso e o Kenshin iria se aposentar por causa disso e não voltar da aposentadoria com isso. Mas o fato é que a saúde do Kenshin estar como uma bomba-relógio foi algo novo de se ver e que ia dar tons de drama bem interessante ao enredo. O quanto ele poderia lutar?

10 - Essas perguntas serão respondidas algum dia?



Claro que eu poderia seguir com as indagações, mas essas foram as principais, na minha opinião. Porém o mais importante seria a resposta à essa última questão, será que o mangá vai voltar algum dia? Com certeza fiquei abalado com tudo o que aconteceu, eu sou muito ligado com a obra e é a única história de ficção que eu uso a palavra amor para referenciar. Então, mesmo não aceitando os erros do autor, a obra não reflete seus comportamentos errados. O que vi em muitos comentário, principalmente no twitter foram pessoas dizendo a mas a Kaoru é muito nova para o Kenshin e a Misao também é para o Aoshi, vamos por parte.
Sem passar pano e sendo direto, o ano é 1868 no Japão pós era feudal. O Kenshin conhece a Kaoru em seus 17 anos, mas o casamento ocorre nos seus 18. Já com a Misao, o Aoshi casa com a Misao quando ela tem 17.
"Ah, mas 17...".  "Ah, você está passando pano".
Ai, meu... Não, po***, não estou passando pano nenhum. Jovens se casando perto dos seus 18 é algo que ocorre até hoje, e não houve nada após o casamento. E não, não estou generalizando que porque algo acontece na realidade é justificável. Mas pelo amor de Deus, né? Casar com quase 18 ser dito como pedofilia... sério que tem gente que consegue dizer isso?
"Ah, mas a Misao tem o corpo meio infantilizado". Bom, eu acho que a galera tá muito acostumada a ver desenhos onde as mulheres usam peitos e bunda como dispositivo de flutuação, porque a realidade não é bem assim, e esse biotipo mais... como posso dizer... compacto(?) é muito comum nas orientais.
Resumindo, nós estamos triste pelo Watsuki, mas ficar aceitando esse povo "arrumando chifre em cabeça de cavalo para tentar justificar seu ódio do Nobuhiro descontando na obra, é simplesmente inadmissível, mas se você insiste nesse absurdo, então cuidado com simplesmente todo o resto dos animes e mangás. :)
Seja como for, não dá para saber o futuro da franquia. Embora a gente possa esperar pelo melhor, temos que nos preparar para o pior.

Queria dividir esses questionamentos e encerrar algumas opiniões que foram dadas em uma postagem anterior. Essa é a última postagem do ano, a não ser que saia alguma notícia. Então é isso. Um feliz Natal e Feliz 2018.

-himuraTALE
17/12/17

Passando rapidinho para aumentar a lista de trilhas sonoras que estão disponíveis no site. Dessa vez, as trilhas vêm dos jogos mais "recentes" de PS2 e PSP:

.:Rurouni Kenshin: Enjou! Kyoto Rinne:.

  
- 123mb 
- 32 Músicas 
- DOWNLOADMega | Mediafire


.:Rurouni Kenshin: Saisen:.

  
- 41mb 
- 31 Músicas 
- DOWNLOADMega | Mediafire
07/12/17

Hoje estamos trazendo algo que estávamos guardando até a saída do 4° capítulo do arco Hokkaido. Até então, os capítulos traduzidos pelo Himura TALE foi ganho de experiência até se formar o estilo de diagramação e fontes que seriam designadas para cada tipo de fala e onomatopeia.

Quando traduzimos o 3º capítulo do arco Hokkaido terminamos de definir o estilo, e assim que saísse a raw final do 4° capítulo iríamos lançar tudo de vez em versão definitiva. Mas depois de tudo o que aconteceu, se o mangá não for dado definitivamente como cancelado, a gente vai ter que esperar muito pelo 4° capítulo.


O que seria a versão definitiva?
Até então, usamos raws japonesas que possuem dimensões menores (959x1400 pixels - página única). A raw americana vem em tamanho maior - 1315x1920 pixels. Além de agora estarmos usando fontes mais agradáveis com o bônus de melhor tradução. Mesmo o prólogo (Ashitarou Zenka-Ari) ainda estar usando como base a raw japonesa, além do texto houve uma melhor edição na imagem, então realmente vale a pena baixar!

Título: Rurouni Kenshin Ibun: Ashitarou Zenka-Ari
Ano: 2016
Scanlator: himuraTALE
Tipo: Spin-off/ Origem
Download: Mega | Mediafire











Título: Rurouni Kenshin Hokkaido-Hen
Ano: 2017
Scanlator: himuraTALE
Tipo: Canon
Capítulo 01: Mega | Mediafire
Capítulo 02: Mega | Mediafire
Capítulo 03: Mega | Mediafire











Sendo assim, me despeço por agora. Até.
Evento especial de RuroKen em MMORPG

05/12/17

Rurouni Kenshin aparece em evento especial de MMORPG com personagens e armas da série.


Apesar das últimas notícias referentes a seu autor serem realmente tristes, a verdade é que Rurouni Kenshin segue como uma das mais belas histórias já feitas. Com personagens carismáticos e um enredo envolvente, Rurouni Kenshin (mais conhecido como Samurai X no Ocidente) encantou toda uma geração com um protagonista que buscava por redenção enquanto enfrentava fortes inimigos do passado.

Entre os dias 06 e 20 de dezembro deste ano, você vai poder conferir esse evento especial de colaboração da série no MMORPG Logres. Abaixo você confere algumas das imagens disponíveis in-game:

(Clique para ampliar as imagens)

Lembrando que não é a primeira vez que vemos Kenshin e sua turma invadindo os jogos de RPG, eles já tinham aparecido algumas vezes no jogo Puzzle & Dragons.

Para mais informações, visite o site oficial do evento.